Câmara Municipal do Rio de Janeiro

07/03/2021 |
Assunto: , História, Política

CMRJ20200307Predio

A Câmara Municipal do Rio de Janeiro ocupa o Palácio Pedro Ernesto desde 1977. Antes, o Palácio, inaugurado em 1923, abrigou o antigo Conselho Municipal, foi sede da Prefeitura, do Ministério da Educação, Cultura e Saúde e, por fim, da Assembleia Legislativa do Estado da Guanabara. Com a fusão do velho Estado do Rio com o jovem Estado da Guanabara, em 1975, a função municipal foi lá instalada.

O Palácio Pedro Ernesto tem este nome em homenagem ao Prefeito do Rio de Janeiro que o viu nascer. Pedro Ernesto (1884-1942) foi um político de grande importância na vida do país nas décadas de 1920 e 1930.

O prédio é parte de um dos mais importantes conjuntos arquitetônicos do centro do Rio de Janeiro. Está localizado na Cinelândia, onde também foram edificados o Theatro Municipal, o Museu de Belas-Artes (antiga Escola Nacional de Belas-Artes) e o atual Centro Cultural da Justiça Federal (antes, ocupado pelo Supremo Tribunal Federal).

Este conjunto foi erguido durante o período da história do Brasil, chamado de República Velha, compreendido entre 1889 e 1930. A partir da chamada República Nova, ergueram-se vários prédios privados, que formaram a Cinelândia, com muitos cinemas, bares e restaurantes.

O mesmo conjunto arquitetônico fez parte de um plano de transformar a cidade do Rio de Janeiro, aproximando-a dos modelos europeus, sobretudo franceses. Esta perspectiva estava vinculada ao fato do Rio de Janeiro sempre ter sido uma cidade de grande importância socioeconômica e política, tendo sido a capital entre 1763 e 1960.

Os arquitetos Heitor de Mello e Arquimedes Memória, este último também professor da Escola de Belas-Artes, foram requisitados para vários projetos, dentre eles, o do Palácio Pedro Ernesto. O Palácio é marcado por uma composição de estilos denominada ecletismo, que misturava as concepções neoclássicas com outras, em voga no período.

O Palácio abriga uma coleção de obras de arte, rica decoração interna e movelaria de época. Destacam-se inúmeras imagens (pinturas e esculturas), o Salão Nobre, as escadarias em mármore e a Sala Inglesa, revestida em madeira de lei,

Atualmente a Câmara Municipal é formada por 51 vereadores, eleitos pelo voto direto. Estes representam o espectro político partidário do município. São responsáveis pela elaboração dos projetos de lei, que, após serem votados no plenário, transformam-se em leis que serão aplicadas no município.

A cidade do Rio de Janeiro tem uma população estimada em aproximadamente 7 milhões de habitantes, distribuídos nas zonas centro, sul norte e oeste. Sua geografia margeia o oceano Atlântico, a Baía de Guanabara, o maciço da Tijuca e a Serra do Mar. É um dos maiores centros econômicos e culturais da América do Sul, sendo conhecida internacionalmente por seus recursos e belezas naturais.

Visite a Câmara Municipal do Rio de Janeiro, através do seu site – www.camara.rj.gov.br

Voltar Próximo artigo