Poupando de grão em grão

29/11/2018 |
Assunto: , Comportamento, Economia

Já chegou ao final do mês com a impressão de que o dinheiro acabou e você nem sabe direito com o que? Para que isso não aconteça mais preparamos algumas dicas para você.

ConsumidorP20181129

1. Faça lista de compras
Antes de ir ao mercado faça uma lista com os itens que não podem faltar, anote tudo em papel ou baixe um aplicativo que te ajude nessa tarefa. Tente fazer um lanchinho antes de sair às compras, para não chegar ao mercado com fome e assim, comprar coisas por impulso.

2. Aplicativos
Muitas lojas hoje oferecem preços diferenciados para compras por aplicativos. No caso dos supermercados, é possível conseguir bons descontos ao se cadastrar no aplicativo e ativar as ofertas.

3. Economize com transporte
Para fazer percursos curtos, troque o carro por uma caminhada ou vá de bicicleta. Além de economizar, você ainda pode desfrutar da paisagem e se exercitar.

4. Anote as despesas
Comece a anotar todas as despesas fixas e variáveis desde a mensalidade escolar até aquele chicletinho ou café. Para te ajudar nisso, faça uma planilha de orçamento doméstico.

5. Fique de olho nos gastos com refeições
Quem não adora a comodidade de poder pedir uma pizza, por exemplo, sem sair de casa? Mas fique atento às taxas de entrega e promoções, pode parecer pouco, mas os trocados economizados com este tipo de despesa fazem a diferença. Que tal experimentar as opções daquele restaurante novo que tem entrega gratuita?

6. Saídas com amigos
Reunir os amigos e jogar conversa fora é sempre ótimo, mas pode ficar meio “salgado” no final do mês. Troque o barzinho por uma reuniãozinha em casa, vocês podem combinar para cada um contribuir com um valor ou levar petiscos e bebidas e curtirem o encontro sem pesar no bolso.

7. Evite compras por impulso
Antes de comprar algo, tente fazer três perguntas: Eu preciso? Eu posso? Precisa ser agora? Se a resposta para qualquer das questões for NÃO, respire fundo e pense um pouco mais e, se for o caso, volte depois para comprar.

Fonte: Consumidor Positivo

Voltar Próximo artigo