DICAS PARA APROVEITAR MELHOR O 13º SALÁRIO

08/11/2017
| Colunista: , Deise Mury
|
Assunto: , Economia

SerTel20171108

Algumas regras úteis podem esticar o seu abono Natalino e transformá-lo em um salvador da pátria

O final do ano está chegando e o dinheiro extra da Gratificação Natalina, mais conhecida como 13º salário, já é esperado por muitos trabalhadores. Damos algumas dicas importantes para que essa renda extra seja bem utilizada e se torne uma aliada nessa época do ano em que os gastos das pessoas costumam ser altos. O prazo legal para pagamento da 1ª parcela é o último dia útil de novembro e a segunda parte deve ser paga até o dia 20 de dezembro.

A primeira coisa que o trabalhador deve fazer com o 13º salário é separar uma parte para quitar dívidas pendentes antes de sair às compras de Natal. O 13º pode ser um grande aliado do trabalhador se for bem utilizado. A pessoa também deve pegar uma parte dessa gratificação e investir em uma caderneta de poupança, ou em outro tipo de aplicação financeira para deixar rendendo.

O abono deve ser usado para fazer compras à vista para o Natal e Ano Novo para conseguir maiores descontos. É uma maneira de evitar o endividamento futuro do trabalhador com compras parceladas. Deve-se evitar entrar na conversa de alguns bancos que falam que antecipam o 13º, porque isso pode ser um tipo de empréstimo disfarçado. O melhor é o trabalhador aguardar a gratificação que ele receberá em duas parcelas e utilizá-la da melhor maneira possível.

O que é o 13º

A Gratificação Natalina, ou décimo terceiro salário é um direito garantido pelo art. 7º da Constituição Federal de 1988. Consiste no pagamento de um salário extra ao trabalhador que faz jus na proporção de 1/12 avos por mês ou fração acima de 15 dias de exercício durante o respectivo ano civil.

Todo trabalhador com carteira assinada, bem como os aposentados, pensionistas e trabalhadores avulsos têm direito ao benefício. A partir de quinze dias de serviço, o trabalhador já passa a ter direito ao décimo terceiro salário.

Ser-Tel: Tudo para sua segurança em um único lugar

Fonte: Condomínios Em Foco 68

Voltar Próximo artigo